noticias948 Seja bem vindo ao nosso site Web TV e Rádio Nacional!

Sul

Nível do Guaíba deve reduzir e ficar abaixo de 5 m ainda nesta quarta-feira (8), indica Serviço Geológico do Brasil

De acordo com as projeções, a cota deve atingir valores inferiores a 4,8 m até quinta-feira (9)

Publicada em 08/05/24 às 13:04h

Web TV e Rádio Nacional/SGB


Compartilhe
Compartilhar a noticia Nível do Guaíba deve reduzir e ficar abaixo de 5 m ainda nesta quarta-feira (8), indica Serviço Geológico do Brasil  Compartilhar a noticia Nível do Guaíba deve reduzir e ficar abaixo de 5 m ainda nesta quarta-feira (8), indica Serviço Geológico do Brasil  Compartilhar a noticia Nível do Guaíba deve reduzir e ficar abaixo de 5 m ainda nesta quarta-feira (8), indica Serviço Geológico do Brasil

Link da Notícia:

Nível do Guaíba deve reduzir e ficar abaixo de 5 m ainda nesta quarta-feira (8), indica Serviço Geológico do Brasil
 (Foto: Isaac Fontana/EFE)

O nível do Lago Guaíba, na capital gaúcha, está em processo de descida e pode ficar abaixo dos 5 m ainda nesta quarta-feira (8), conforme apontam as projeções do Serviço Geológico do Brasil (SGB). De acordo com os dados, a previsão é que chegue à marca inferior a 4,8 m até quinta-feira (9). Em caso de chuvas na região, o cenário pode se modificar.


Apesar de já ter baixado, o Guaíba ainda está mais de 2 metros acima da cota de inundação, que é de 3 m. Os dados de monitoramento disponibilizados, em tempo real, pelo SGB indicam que o lago chegou à marca de 5,09 m, às 11h15 desta quarta-feira (8). Acompanhe aqui.

A capital Porto Alegre registrou a máxima histórica, próxima aos 5,3 m, na manhã de domingo (5), o nível exato será levantado em campo posteriormente. Essa é a maior marca desde o início do monitoramento, em 1939, superando a grande cheia de 1941, quando o Guaíba chegou a 4,75 m. A situação provocou inundações em diversos municípios da Região Metropolitana de Porto Alegre.

Desde a última sexta-feira (26), o Serviço Geológico do Brasil intensificou o monitoramento das bacias dos rios Caí, Taquari e Uruguai, no Rio Grande do Sul. Os dados gerados sobre níveis dos rios e previsões permitem antecipar cenários e dão suporte às ações do estado, dos municípios e suas defesas civis, contribuindo para medidas que possam salvar vidas e reduzir prejuízos.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (82)996922974

Copyright (c) 2024 - Web TV e Rádio Nacional - Inovação em Comunicação
Converse conosco pelo Whatsapp!